#FollowMyDay
para Xangai

Kristina Roder

KRISTINA RODER
Assistente de bordo (28 anos, na SWISS desde 2012)

Kristina realiza voos de longo curso e visita seu destino predileto regularmente: Xangai. Para esta assistente de bordo de 28 anos, Xangai representa a China moderna: grande, esplendorosa e acelerada. Apesar de, entretanto, já conhecer relativamente bem esta metrópole, devido ao crescimento constante da cidade existe sempre algo de novo para descobrir, e uma visita vale sempre a pena. A SWISS voa diariamente para Xangai (PVG) partindo de Zurique (ZRH).

Com quase 25 milhões de habitantes, Xangai é não só, de longe, a maior cidade da China como também uma das 10 maiores do mundo. O contraste da arquitetura moderna lado a lado com edifícios tradicionais é uma característica da China. Em Xangai, estes contrastes são palpáveis e tornam esta cidade junto ao mar da China Oriental um destino de viagem atrativo e original. Por princípio, o clima é subtropical e bem tolerado, embora no verão o termômetro possa chegar até os 40ºC. Além disso, é em julho e agosto que mais chove. Por isso, recomenda-se uma visita a Xangai sobretudo nas estações de transição, uma vez que as temperaturas na primavera e no outono variam entre os 15 e os 20ºC.

2i3a8356(1).jpg

a340_7_1960235.jpg

img_20171201_130806_901.jpg

Quem pretende conquistar Xangai precisa de energia! Para isso, o rico bufê do café da manhã do Hyatt Regency é ideal. “Desfrutar do café da manhã com esta vista abre o apetite a qualquer um para explorar a cidade!”, conta Kristina.

spaziergang_padang.jpg

Cheia de energia, Kristina está pronta para uma longa caminhada ao longo do rio Huangpu. Do calçadão, é possível apreciar o desenvolvimento da cidade em rápido crescimento. É fácil adivinhar como os edifícios futuristas irão se integrar impecavelmente na moderna paisagem urbana, quando ficarem prontos. Esta dinâmica sempre deixa Kristina incrédula: “Me sinto como se tivesse aterrissando no futuro.”

french concession.jpg

A antiga área de concessão francesa, administrada pela França no final do século XIX, ainda hoje é conhecida por French Concession. Inúmeros edifícios lembram essa época, mas, hoje em dia, esta área é um dos bairros mais populares e badalados da cidade. São muitos os restaurantes e cafés para explorar, e este bairro é o lugar ideal para uma curta e tranquila pausa, longe da confusão da metrópole. “A atmosfera é muito acolhedora, algo nada típico de Xangai, que está sempre em pulsação acelerada.”

dsc_1597.jpg

Não muito longe dali fica Tian Zi Fang, uma antiga zona industrial que agora acolhe várias pequenas lojas e cafés em suas fábricas e armazéns devolutos. Kristina prefere as lojas de chá: “Aqui existe cerâmica muito bonita, bem como os melhores chás – a lembrancinha perfeita para levar para casa.”

Um passeio pelo The Bund, o famoso calçadão de 2,6 km no porto de Xangai, faz parte do programa obrigatório. No final de semana, muitos turistas se reúnem aqui, por isso “O melhor é vir até aqui durante a semana ou, pelo menos, durante a tarde, quando não está tão cheio.”

thebund_financial.jpg

O The Bund Financial Center é a mais impressionante forma de terminar o passeio pelo The Bund. A fachada exterior é composta por colunas que imitam bambu, movendo-se em direções opostas. “Parece realmente que todo o edifício está se mexendo. Eu ficaria horas e horas só olhando!”

dsc_1579.jpg

Ao invés disso, para quem anseia por relaxamento na natureza, Kristina recomenda o Fuxing Park. Em tempos a maior área verde da cidade, este parque convida a relaxar e proporciona o encontro com habitantes locais tocando música ou dançando.

dsc_1464.jpg

No final da tarde, pouco antes do anoitecer, Kristina passeia pelas ruas de Fang Bang Middle Road, na cidade histórica. Por todo o lado, luzes acesas criam perfeitamente o cenário típico, ornamentado e detalhado da arquitetura chinesa. Cães, dragões e outras criaturas míticas decoram as casas e os templos tradicionais desta região. “Existe muita coisa para descobrir e, quem ainda não comprou presentes suficientes, irá certamente encontrar algo por aqui.”

Visto do alto, o pôr do sol oferece sempre uma vista melhor. No Flair Rooftop Bar do Ritz Carlton, enquanto toma uma bebida, Kristina aprecia a vista deslumbrante sobre a cidade e a Pearl Tower, o símbolo mais famoso de Xangai. “Foi aqui que bebi a bebida mais cara da minha vida. Mas esta vista não tem preço!”

essen_total.jpg

essen_close.jpg

No Haidilao encontra a cozinha típica chinesa, um destaque absoluto para Kristina: “Eu adoro hot pots! Lembra um fondue chinoise, mas com mais ingredientes e muito melhor.”

dsc_1482.jpg

Quem ainda resistir, poderá terminar o dia com uma outra bebida no Vue Bar. “Olhar o horizonte enquanto saboreio uma boa bebida é algo simplesmente mágico, de que nunca me canso.”