#FollowMyDay
para Miami

Jeannine Kanwischer

Assistente de bordo (27 anos, na SWISS desde 2013)

Jeannine Kanwischer gostava de viajar muito antes de seu emprego como assistente de bordo na SWISS. Juntamente com sua família, ela voava frequentemente para a Flórida. Mais tarde, ela mesma foi conhecendo melhor o estado, em viagens de carro. Desde 2013 que ela voa ao redor do mundo com para a SWISS e tem conhecido pessoalmente muitas cidades. Mas existe um lugar, em particular, onde ela sempre gosta de voltar, até hoje: Miami.

Não é por acaso que se chama à cidade “a capital da América Latina”. Em contraste com outras cidades americanas, a maioria dos habitantes aqui tem o espanhol como língua materna. Isso é uma das coisas que mais fascina Jeannine nesta cidade costeira: “Seja em cafés, bares ou lojas, em todo o canto é possível ouvir batidas latinas, e o temperamento sul-americano está por todo o lado.” Além da sua "vida loca", a cidade atrai devido ao clima maravilhoso, à arte multifacetada e a muitas atividades praticadas ao ar livre. A SWISS voa diariamente para Miami (MIA) partindo de Zurique (ZRH).

wingshot_02.jpg

09:00

Para começar bem o dia, nada como uma xícara de café a sério. “Contrariando os preconceitos sobre o café fino americano, este restaurante oferece um café de alta qualidade e cuidadosamente preparado”, conta Jeannine. Os proprietários do Panther Coffee, Joel e Leticia Pollock se empenharam em receber seus clientes com o melhor café do mundo. Jeannine está empolgada: “Uma promessa que este casal cumpre todos os dias. Além disso, eles dão grande importância à sustentabilidade.! E para quem gosta de algo doce para acompanhar o café: “Os croissants de chocolate são incríveis!”

10:00

Depois de um café bem reforçado, está na hora de praticar o esporte da manhã. “Afinal, temos de estar á altura das meninas saradas e treinadas de Miami Beach.” Jeannine opta por praticar o esporte da moda, o Stand Up Paddling. “Isto ajuda não só a ficar em forma como também a conhecer a cidade de uma perspectiva diferente.” O aluguer de SUP propõe uma rota pelos canais mais próximos. “Aqui pegamos vistas dos grandes jardins e piscinas dos moradores ricos da cidade”, revela Jeannine. Visto que as águas são mais calma do que em mar aberto, esta rota é adequada para iniciantes. E com um pouco de sorte, um outro destaque poderá aguardar os entusiastas do esporte: “Pode até ser que a gente se cruze com um manatim herbívoro (ou Manatee).”

12:00

Após o treino, é tempo de tomar um lanche bem saudável: “Os smoothies refrescantes do Jugofresh Juice Bar é sensacional! Com ele, também ficamos bem preparados para uma passeio pelo Miamis Design District. Esta área tem mais de 130 galerias de arte e é conhecida por seus desenhos nas paredes, que podem ser vistos de longe nas casas e nas ruas. São cenários muito populares: “Aqui você pode tirar fotos muito legais!”

12:30

Passear e contemplar: “O antigo bairro dos operários Wynwood virou, nos últimos anos, uma das áreas mais elegantes de Miami.” Armazéns viraram galerias e estúdios, muros em ruínas passaram a telas de artistas de graffiti. “Aqui a imaginação é ilimitada!”, explica Jeannine. No coração de Wynwood, não deixe de visitar a galeria ao ar livre «Wynwood Walls». Mais de 50 artistas de todo o mundo têm exposto suas obras aqui. Entre eles, Shepard Fairy, o artista que desenhou o famoso cartaz "Hope", de Obama. “Se você não quiser perder nada neste bairro, recomendo que faça a bike tour gratuita Wynwood Mural“, conta Jeannine.

juvia_view.jpg

14:00

Para um almoço leve, está na hora de voltar para Miami Beach. “Meu restaurante favorito, Juvia, está localizada no extremo oeste da Lincoln Road.” Este elegante restaurante possui instalações de água modernas, uma impressionante fachada verde e uma vista maravilhosa sobre Miami Beach. “Tem iguarias asiáticas como, por exemplo, Bento Boxen variadas.” As extraordinárias sobremesas são um sonho e não é possível não comer! Existe uma tentação doce que impressiona Jeannine, particularmente: «Key Lime Pie no copo! Aqui, as mais variadas sobremesas conhecidas são divididas nas partes que as formam e servidas em um copo. Delicioso!! À noite, quem quiser garantir seu lugar na Juvia deverá reservar mesa.

holocaustii.jpg

15:00

A curta caminhada depois do almoço leva até um monumento impressionante e de acesso gratuito: o Memorial do Holocausto. “Um lugar longe das alegres multidões da praia. Uma oportunidade para descansar e para conhecer melhor um pedaço da história da cidade.” Porque o memorial não é somente uma lembrança do extermínio de milhões de judeus na época do Holocausto, na Europa, também lembra que, no sul da Flórida, vive uma das maiores populações de sobreviventes do Holocausto nos Estados Unidos. “O Memorial é composto por várias instalações, bem como por uma mão em bronze com 13 metros, muitas esculturas individuais, fotografias impressionantes e muito mais.”

lincoln_road_design.jpg

15:30

Continue ao longo da Lincoln Road. Esta foi em tempos chamado a Quinta Avenida do Sul. Na década de 1950, o arquiteto Lapidus projetou a avenida ao estilo da arquitetura moderna de Miami, como zona pedonal. Na década de 1990, ela foi renovada e foram plantadas plantas nativas. “É um lugar maravilhoso para passear e apreciar. Além disso, existem muitas oportunidades para fazer compras, restaurantes, cafés e galerias.”

18:00

O programa inclui um pouco mais de esporte. Afinal de contas, Miami é conhecida pelas inúmeras atividades ao ar livre. “Quem gosta de ação, o melhor que tem a fazer é alugar um skate com capacete e protetores e deslizar ao longo da praia”, recomenda Jeannine. A Skatezene está bem na moda, particularmente na região Kendall Lakes. Aqui pode admirar muitos profissionais com manobras acrobáticas. Se escolher uma hora mais tarde, aproveite para rodar ao pôr do sol. “Os arranha-céus de Miami Beach e do centro da cidade estão longe o suficiente para conseguir ter ver o sol se pondo. Uma visão linda!”

20:00

Um dia tão ativo realmente faz o estômago reclamar. Jeannines recomenda o restaurante MyCeviche: “Tem o melhor ceviche e os tacos mais deleciosos da cidade!” As vibrações latinas estão muito presentes em Miami, por isso, não deixe de provar um prato típico da América Latina, como o Ceviche. É peixe fresco cru picado, inserido em uma marinada de limão. “Uma verdadeira delícia!” O restaurante, na verdade, funciona para take away. Tem lugares sentados, mas Jeannine recomenda um piquenique ao ar livre: “A praia não é muito longe. Comer ceviche fresco sob o céu estrelado e ouvindo o mar é simplesmente fenomenal!”

21:30

O melhor é começar a noite com um drink. E onde melhor do que em um bar premiado? “O «The Broken Shaker» é um dos melhores do mundo e atrai muitos visitantes pelos excelentes coquetéis, mas também pela atmosfera maravilhosa. “O restaurante foi decorado ao estilo vintage e, no pátio, existe uma piscina cercada por um jardim tropical. Um verdadeiro paraíso”, diz Jeannine. As ervas frescas para as bebidas exóticas vêm do jardim do restaurante. Uma dica de Jeannine: “Experimente a Spicy Margarita!”

23:00

O Ocean Drive é conhecido em todo o mundo e de jeito nenhum você pode deixar de conhecer, no final de um dia tão emocionante. Daqui poderá desfilar e apreciar o mar de luzes. À noite, os edifícios brilham com luzes coloridas. Para Jeannine, há sempre algo especial: “Você se sente como em uma das inúmeras cenas de filmes ou videoclipes que tornaram esta rua conhecida e espalharam o charme do lugar por todo o mundo».